Início > RMAN > RMAN – Armazenamento de script no recovery catalog

RMAN – Armazenamento de script no recovery catalog

Bom hoje surgiu um problema aqui na empresa aonde que a ferramenta que utilizamos é um interpretador de comandos e apenas aceita alguns comandos, caso utilize compressão ou algum parâmetro diferente do normal que backup database ele não consegue interpretar, então surgiu algumas opções em criar algum outro shell e fazer uma chamada para que o produto não interprete este outro arquivo ou utilizar o próprio RMAN para guardar os script e fazer a chamada por linha de comando, então vamos lá vou abordar como criar e utilizar Scripts que são gravados no catalogo do RMAN, sim são gravados no catalogo, caso você utilize o controlfile(nocatalog) este post não irá te ajudar.

Há 2 tipos de se guardar o Script no RMAN, segue:

1. Local Stored Script – Utilizado para executar apenas script salvos do banco do destino.
2. Global Stored Script – Script pode ser executado por qualquer banco registrado neste catalogo.

Fora que o script também aceita variaveis de substituição EXEMPLO &1 para o primeiro parametro &2 para o segundo parametro e assim por diante.

Então vamos lá, eu criei um script local mesmo para testar, começei pelo incremental que demorava menos para validar o script se funcionava:

CREATE SCRIPT BackupIncrementalOnline
COMMENT ‘Backup Incremental Online’
{
SET COMMAND ID TO ‘IncrementalOnline’;
ALLOCATE CHANNEL ch00 TYPE SBT_TAPE;
ALLOCATE CHANNEL ch01 TYPE SBT_TAPE;
CONFIGURE EXCLUDE FOR TABLESPACE TBS_REFERENCE;
CONFIGURE EXCLUDE FOR TABLESPACE TBS_REFERENCE_INDX;
CONFIGURE EXCLUDE FOR TABLESPACE TB_REPOS_ODI;
BACKUP INCREMENTAL LEVEL 1 SKIP INACCESSIBLE TAG RMAN_BACKUP_FULL FILESPERSET 50 (DATABASE INCLUDE CURRENT CONTROLFILE);
CONFIGURE EXCLUDE FOR TABLESPACE TBS_AGGREGATE CLEAR;
CONFIGURE EXCLUDE FOR TABLESPACE TBS_AGGREGATE_INDX CLEAR;
CONFIGURE EXCLUDE FOR TABLESPACE TBS_BASE CLEAR;
BACKUP SECTION SIZE 100G TABLESPACE TBS_AGGREGATE;
BACKUP SECTION SIZE 100G TABLESPACE TBS_AGGREGATE_INDX;
BACKUP SECTION SIZE 100G TABLESPACE TBS_BASE;
}

Bom não é necessário colocar o run{} na hora de guardar o script no RMAN, pois iremos utiliza-lo para chamar o script para sua execução, segue:

RUN {EXECUTE SCRIPT BackupIncrementalOnline;}

Listar os script armazenados no catalogo:

list script names;

list global script names;

Mostrar o conteúdo do script:

PRINT SCRIPT BackupIncrementalOnline;
PRINT GLOBAL SCRIPT BackupIncrementalOnline;

Para fazer um replace do script, apenas mudar o começo:

REPLACE SCRIPT BackupIncrementalOnline

{…..}

Replace global script BackupIncrementalOnline

{……}

Deletando os scripts

DELETE SCRIPT BackupIncrementalOnline;

DELETE GLOBAL SCRIPT BackupIncrementalOnline;

Bom é isso.

Abraço

Categorias:RMAN
  1. Nenhum comentário ainda.
  1. No trackbacks yet.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: